Buscar
  • RÁDIO TURMALINA

OPERAÇÃO CONJUNTA DA POLÍCIA CIVIL MOBILIZA 29 AGENTES.

A Polícia Civil de Minas Gerais, através da Agência de Inteligência Policial (AIP) da 2ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Capelinha desencadeou operação policial onde foram cumpridos, nesta sexta-feira (23), 10 mandados de busca e apreensão e 04 pessoas foram presas. A operação contou com o apoio das Delegacias de Capelinha, Turmalina, Água Boa, Minas Novas e Itamarandiba, totalizando 29 policiais empenhados.


O Delegado Regional Felipe Pontual Meira Rosa explica como a operação foi realizada. “Dessa maneira, a ação policial se iniciou após desdobramentos das investigações relacionadas à consumação de crimes de tráfico de drogas e homicídio que ocorreram em dezembro de 2020 em Capelinha/MG. Portanto, os Investigadores de Polícia obtiveram informações sobre uma Organização Criminosa (ORCRIM) que estaria atuando com o tráfico de drogas nesta cidade e, desse modo, foram identificados dois suspeitos que gerenciavam a comercialização dos entorpecentes nas biqueiras”, relata.



Além disso, foram identificados outros suspeitos que, em tese, estariam envolvidos, em menor ou maior grau, na comercialização das drogas ilícitas, sendo que, alguns deles estariam diretamente ligados a uma mulher que foi presa em dezembro e era responsável pela “biqueira” onde ocorreu o homicídio.


De acordo com o delegado as investigações iniciadas em Capelinha/MG identificou o envolvimento de um suspeito em Turmalina/MG. “Ainda, durante as investigações foram obtidas informações que indicavam o envolvimento de outro suspeito com o tráfico de drogas na cidade de Capelinha e de uma menor na cidade de Turmalina e, inclusive, pelo que parece, uma testemunha estaria sendo ameaçada por alguns dos investigados para não prestar informações à Polícia Civil”, disse.


Igualmente, foram obtidos elementos que indicavam o envolvimento de parte dos investigados com o crime de furto em uma residência situada à Rua das Flores em Capelinha/MG, local onde foram subtraídos diversos objetos, dentre eles, vários quadros (obra de arte) de elevado valor sentimental para as vítimas e, por isso, as investigações indicaram o suspeito que, supostamente, teria receptado as obras para revendê-las.


Diante disso, com base nos elementos colhidos durante as investigações, a Autoridade Policial representou pela expedição de mandados de prisões e de busca e apreensão em face dos investigados que foram deferidos pelo Poder Judiciário. Foram cumpridos 02 mandados de busca e apreensão em Turmalina/MG.


Já em Capelinha/MG foram cumpridos 08 mandados de busca e apreensão e 03 pessoas foram presas preventivamente, dentre eles, dois homens de 19 e 42 anos, respectivamente. Na residência de um dos suspeitos (28 anos) foram localizados 06 quadros (obra de arte) que a vítima reconheceu como sendo aqueles furtados em sua residência situada à Rua das Flores.



Em outro imóvel, alvo de cumprimento de mandado de busca e apreensão, foram localizados com a suspeita (20 anos) 03 barras de substância semelhante à maconha, 01 balança de precisão, vários pinos vazios, 01 caderno com anotações, dinheiro e 01 revólver com munições.



Finalmente, durante as buscas na cidade de Turmalina, foi localizado na casa da suspeita (20 anos) 01 bucha de substância semelhante à maconha. No vídeo baixo, o Delegado Felipe Pontual explica melhor os fatos.



O Delegado regional Felipe Pontual destaca mais uma vez, o compromisso da Policia Civil junto à comunidade. “Dessa maneira, os suspeitos presos foram encaminhados à Autoridade Policial e após as formalizações de suas prisões eles serão encaminhados ao sistema prisional, onde permanecerão à disposição da Justiça. Portanto, a Polícia Civil reafirma o seu compromisso em atuar ativamente para trazer a sensação de segurança para todos”, finaliza.






346 visualizações0 comentário