Buscar
  • RÁDIO TURMALINA

O FEITIÇO VIROU CONTRA O FEITICEIRO.

Nesta quinta-feira (26) o promotor Alexander Teixeira da Cruz de Criciúma em Santa Catarina deixou de abrir uma investigação sobre um caso de importunação sexual. A suspeita chegou até ele por meio de uma denuncia anônima e ele arquivou a nota crime citando o artigo 27 da nova “lei de abuso de autoridade” que pune com 06 meses a 02 anos de prisão a autoridade que instaurar processo de investigação sem os indícios da prática de crime. Coisas que só acontecem no Brasil.



0 visualização

PONTOCOM - Música & Notícia

Rua Goiás - 163 - Turmalina/MG - CEP: 39.660 - 000

©2019 by Audiovisual Comunicação e Assessoria